Saturday, June 10, 2006

O mundial nos bordéis

O repórter de imagem da CNN vai passeando a câmara de filmar pelo Bordel berlinense Ártemis. Os cromados, os espelhos, os sofás vermelho-vivo, as camas redondas, está tudo lá. As mulheres, que se auto-intitulam trabalhadoras do sexo garantem que não são exploradas e que têm até segurança social porque pagam impostos. Ao que parece, relata admirado o repórter norte-americano, os alemães são favoráveis à prostituição desde que esta seja legal. Mais estranho ainda para este senhor parece ser a posição das feministas alemãs que não são contra a prostituição enquanto actividade laboral mas sim contra os proxenetas e a exploração. Praise the Lord!

0 Comments:

Post a Comment

<< Home